The Mentalist

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
McdonaldsAmerica.jpg United $tate$ of McDonald'$

Este artigo é gringo! Não tente usar armas químicas de destruição em massa ou jogar aviões contra ele, Tio Sam agradece.

Cquote1.png Você quis dizer: Lie to me Cquote2.png
Google sobre The Mentalist
Cquote1.png Você quis dizer: Mentitas Cquote2.png
Google sobre The Mentalist

Cquote1.png Você nunca vai me pegar, Jane! Nunca!! Cquote2.png
Red John sobre Patrick Jane
Cquote1.png Tenho Medo! Cquote2.png
Regina Duarte sobre Patrick Jane
Cquote1.png Silence! I kill you! Cquote2.png
Achmed sobre Patrick Jane
Cquote1.png Na União Soviética, quem zoa o Patrick Jane é VOCÊ! Cquote2.png
Reversal Russa sobre The Mentalist
Cquote1.png Um seriado com a Jane, ohohohohohohoh! Cquote2.png
Tarzan sobre Jane
Cquote1.png Calma cara, não é essa Jane, é outra Jane Cquote2.png
Qualquer um sobre Jane
Cquote1.png Pichei e fui matando, pau no cu de quem tá olhando! Cquote2.png
Mensagem que sempre acompanha o smiley de Red John
Cquote1.png Um espertalhão muito louco aprontando confusões do barulho em investigações alucinantes, deixando sua chefe de cabelo em pé! Cquote2.png
Narrador da Sessão da Tarde sobre The Mentalist
Cquote1.png Um telefonema e eu acabo com a sua vida! Cquote2.png
Samara Qualquer acusado ameaçando os detetives
Cquote1.png Vou hipnotizar alguém também! Cquote2.png
Você achando que também é foda
Cquote1.png Você sabe, sarcasmo é a forma mais baixa de inteligência. Cquote2.png
Patrick Jane sendo sarcástico
Cquote1.png Eu Participei! Cquote2.png
Alice Cullen se sentindo a tal pela participação em The Mentalist
Cquote1.png Em que episódio??? Cquote2.png
Eu perguntando para Alice Cullen
Cquote1.png É claro que o Jane não sabe sobre nós. Cquote2.png
Rigsby e sua mentira para comer a Van Pelt inocência
Cquote1.png Aff, perdi pra Garota do Blog Cquote2.png
Patrick Jane sobre votação no SBT

A verdadeira face de Red John

The Mentalist é um seriado produzido pela Warner Channel e que superou desencadeadamente o clássico das mortes óbvias CSI. Com uma trama um pouco melhor, Patrick Jane, interpretado por Simon Baker, faz o papel de um louco consultor de uma agente de um gabinete, que é o CBI (Cabaré de Budega Internacional). Simon faz bico pra resolver certos crimes incertos e tentar desvendar o verdadeiro culpado pelo óbito realizado. Seu maior sonho é pegar o maior vilão do sériado, denominado Red John. Por sua falta de mulher provável tara, Red tem um crime básico que geralmente se reduz a atacar mulheres, o que leva Jane a fazer sua pior ação.

Típica bolinha que Red aprendeu a fazer no msn

História[editar]

Red John exercitando a bolinha após matar o cozinheiro de um restaurante.

Pelo fato de Jane viver de fazer bico, ele já foi psicótico "psíquico" (que no Brasil chamamos de macumbeiro, pai de santo, médium ou vidente). Ele, em um programa de televisão espiritualista típico da Rede Vida rede televisiva dos EUA, afirmava buscar a localização do famoso assassino em série Red John e chegou a dizer que sabia sua aparência real. Todos estavam sendo enganados por Jane que na verdade não tinha poderes, sendo apenas um charlatão inteligente. Mas Red John não gostou. Ao chegar em casa após um longo e cansativo dia de trabalho -- e justamente no dia em que houve o programa em que falava de Red John -- Jane viu um bilhete que mudou seu mundo.

Jane entusiasmado ao saber que tem um artigo na Desciclopédia.
  • Numa carta escrita por um Semi-Analfabeto, Jane lê a carta:

Eae Cabra réi!
Inganano u pôvu? Tu acha que vai pegá iêu?
Iêu rio é dessa tua cára!
Caba máchu qui é caba macho num usa gel, hômi!
Ói, eu num gustei dessa tua coisa qui tu díssi lá, não! Por isso fiz íssu em tua homenági!
Assinado: Red John (Não é o Nerso da Capitinga)

Na parede havia o sinal da bolinha feliz (que o Nerso Red John aprendeu por msn) e com o nome escrito com sangue: Nerso. Passeando pelo local do crime, Jane encontra sua filha e esposa semi-mortas (a sogra Jane acabara de matar) e logo após isso sua filha morre. Só resta sua esposa que sussura no ouvido de Jane "Foi ele! O Nerso! O desgraçado do nosso vizinho! Pega ele!". Patrick, contudo, não acredita pois o crime está muito óbvio, diferente dos crimes que ele passaria a resolver. Até hoje Patrick tenta encontrar a solução.

A entrada no CBI[editar]

Patrick desde a morte de sua mulher ficou louco sendo obrigado á investigar sozinho á respeito do tal "assassino horrível" que assombrava á todos os meliantes das cidades matando mulheres por aí. Ele de inicio juntou uma vaquinha vendendo camisinha na porta da igreja e depois começou sozinho as suas investigações. De inicio começou seguindo os passos de Red John; chegando rápidamente á conclusão de que uma velhinha de 93 anos era Red John.

Ele foi tido imediatamente como louco apesar de estar dizendo a verdade e foi internado em estado grave com deficiencia mental de alto nível alegando tais que ele estava tão demente que não tinha condições sequer para poder se equilibrar em pé durante uma conversa. Depois de muitas investigações descobriram por fim que ele não estava louco e sim simplesmente bêbado após experimentar uma bebida forte uma pinga 51 aprovada por Jeremias; bebida brasileira.

Por ser um psicopata de alto nível e com um tom de elegância muito alta ele rapidamente chamou a atenção de Teresa Lisbon; uma policial solteirona que não arranjava homem há séculos apesar de ter menos de 35. Apesar de Jane ter ainda suas rápidas e delicadas crises de loucuras como afirmar que Red John era a versão americana mal-feita do Bandido da Luz Vermelha; e falar discaradamente que Deus era capitalista lhe renderam aproximadamente 2 anos num hospício tendo consultas diárias e quase que por hora com o Dr. Remo e com Bengalelê Motumbo.

Assim após estar curado (é o que acreditam); a agente lisbon logo notando a perspicácia do jovem por descobrir red john (pois ela sabia que era a velhinha); Teresa o convidou á ir junto ao CBI.

Personagens[editar]

Patrick Jane[editar]

Patrick Jane já não tão feliz em ter um artigo na desciclopédia.
Patrick Jane e seu sorriso nada expressivo.

Patrick Jane, “Ele vê além das evidências, isso é um dom? ou uma habilidade ? Ele é sensitivo,paranormal,médium, intuitivo, ou apenas um cara comum com um talento extraordinário?( descrição dramática do SBT para a série)na verdade é só um consultor albino que veio de família circense, e ganhava a vida fazendo seus otários clientes acreditarem que ele conseguia ler mentes e falar com os mortos, adora tomar chá de picacilina em absolutamente todos os lugares que vai,e tem um terrível caso de pés de galinha que surgem principalmente em meio a seus ligeiros e irônicos sorrisos.

Todo término de caso em que obviamente Jane resolve( demonstrando uma verdadeira falta de capacidade profissional do resto da equipe) é seguido por alguém lançando a pergunta : "Como você descobriu?"

Apesar de ter mais de 30 anos ele possui uma mentalidade de 3 e de vez em quando faz umas merda bagunças na série em que definida por ele "a bem preparada, a dinamite, fortemente armada, fofa que nem um botão" agente Teresa Lisbon tem que resolver.

Teresa Lisbon[editar]

Lisbon flertando com o Jane.
Lisbon tentando se matar após saber que Jane prefere o RJ.

Advogada fracassada da boca torta e com um olho maior que o outro, foi demitida em Prison Break, sem alternativa tornou-se policial da CBI, onde lidera um grupo de três policiais e um consultor gostosão. Solteira obviamente porque ninguém a quer vive pegando no pé do Jane o consultor gostosão da CBI por quem tem uma queda tombo. Vem de uma família de alcoólatras, tomava mamadeiras de vódka desde os dois meses de idade e cresceu desorientada, deprimida e infeliz e com uma terrível síndrome de só falar alguma coisa depois de olhar seriamente pro chão. Quando adolescente não tinha tempo pra namorar por que vivia bêbada, depois que assumiu o cargo de policial na CBI começou a se interessar por seus colegas de trabalho, primeiro queria pegar o Bosco um cara com quem passou anos e anos de sua vida fazendo coisas proibidas e agora quer pegar o consultor gostosão, que desde que sua esposa foi assassinada, nunca mais encarou um relacionamento com mulher alguma.

Van Pelt[editar]

Van Pelt assustada ao ver Anônimo
Van Pelt asustada com a dimensão do queixo de Rigsby.

Van Pelt é mais especificamente uma ruivinha gostosa filha de uma mistura de escoceses com hungaros com holandeses que era mais especificamente uma das agentes que menos trabalha em relação á acção lá no CBI destinando-se apenas e somente á pesquisas. Por ser extremamente preguiçosa e ter um bom gosto infalível ela atura todos os dias ter de conviver com as esquisitiçes de Patrick Jane e ao mesmo tempo ter que aturar o zé queixinho Agente Rigsby dando encima de tal pelo fato de ele também ter bom gosto com mulheres.

Pelo provável fato de ser criada no interior (citando isso em apenas 2 episódeos) a agente van pelt é notavelmente a mais gostosa admiravel dentre todas as mulheres que aparecem no seriado: (ela, Teresa Lisbon e Patrick Jane). Segundo rumores ainda não identificados Van Pelt por algum motivo apesar de ser muito religiosa só não dá uns amassos no Rigsby por que o enorme queixo dele não dixa por que ela gostava mais de Jane; e tal era tão viado distraído com os casos que não percebia.

Rigsby[editar]

Rigsby se dando bem.

O agente rigsby é um agente do CBI que por incrível que pareça tem um queixinho enorme tem uma peculiar mandíbula que faz seu queixo ser enormemente enorme avançar somente um pouco além do normal. O agente desde pequeno sempre sonhou em trabalhar com John Travolta em suas danças dos anos 70's trabalhar no CBI que era seu sonho desde que ainda estava no últero da sua mãe; pois quando tal estava lá seu queixo ficou de fora da barriga detectando assim um filme policial que estava vendo. Percebendo que sua imensa mandíbula poderia lhe render alguns lucros, fez o papel de Queixo Rubro, um herói aboiolado e medroso do seriado infantil "Os padrinhos mágicos", mas como as crianças se assustavam facilmente com a dimensão de seu queixo, ele foi substituído por um ator com próteses mandibulares menores. Com sua chegada no CBI ele fez logo amisade com diversos cabras machos de lá como o Agente Cho e Patrick Jane mas pouco ele sabia que tinha mina nova na parada. Ele foi recrutado para a equipe da agente Lisbon e logo teria a companhia de sua companheira a agente Grace Van Pelt que era uma gostosa agente chegada agora e vinda do interior.

Como o sonho do agente sempre foi comer ela ter um namorinho com ela; ele ás vezes sempre jogava uma cantada como dizer que era de origem de família escocesa ou que A prima da prima dele era ruiva também e etc:. A incrível tara dele por ruivas na maioria das vezes ás vezes despertava nele a vontade de namorar com ela mas pelo fato de van pelt sempre se assustar com a dimensão do queixo de tal por boa parte do seriado isso nunca foi possível.

Agente Cho[editar]

Agente Cho em um dos raros momentos em que conseguimos ver seu olho.
Agente Cho em seu momento fodão.

O agente cho é um japinha fodão policial descendente de Japonês que entrou ilagalmente no país entrou no país para se nacionalizar e é mais especificamente de uma família chinesa de Tianjin. com uma provável próxima ligação com Huo Yuianjia; Cho é muito fodão sempre sério e que nunca teve sequer uma queda em relação as diversas mulheres do CBI (3: Van Pelt, Teresa Lisbon e Jane). Cho apesar de toda a sua masculinidade na maioria das vezes era educado sendo usado no CBI apenas par interrogatório; visto que; segundo Patrick Jane o olhinho dele era tão intrigante que o interrogado ficava tão angustiado que falava logo a verdade.

Foram realmente raras as ocaiões em que isso não aconteceu que foram quando ceguinhos mataram um agente quando um manipulador e mentes manipula cabeça de Rigsby sendo tal hipnotizado. Na maioria das vezes por alguma falta de sorte o tal agente cho é sempre o mais agredido levando desde murros até café quente encima de tal num carro com ar condicionado.

Ver também[editar]