Samegrelo-Zemo Svaneti

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
De onde os imigrantes bósnios vieram, do país da piada pronta.

Samegrelo-Zemo Svaneti é uma região da Geórgia que de tão desabitada, inútil, desinteressante e insignificante acabaram unindo duas províncias. É o mesmo caso do Pará e o Tapajós.

História[editar]

Como se trata de duas regiões, as histórias tem que serem separadas. Isso até deveria ser considerado um privilégio já que a maioria das enciclopédias sobre Geórgia fala das duas em um todo, sendo que metade da população de Samegrelo-Zemo Svaneti não se cheira com a outra metade.

Incrível, sei, mas em um país chato como a Geórgia não se tem muito o que fazer mesmo.

Samegrelo[editar]

Antigamente tinha um nome maior que continha o nome de todos os pratos Bósnios existentes e os favoritos em destaque. O líder era um mestre-cuca da Bósnia que se mudou na metade do século 20 para Samegrelo. Reza a lenda que esse mestre cuca sabia montar uma motocicleta por dentro, fazer um bolo de chumbo e que era um exemplar do Magaiver.

Ele deu o primeiro nome para a região de "Samegrelo" pois tudo que vem com "Same" em um país comunista é a mesma coisa que dizer "Veio da Bósnia" e "Grelo", em bósnio, significa Essa bosta. Em uma tradução mais livre "Veio da Bósnia essa Bósnia".

Após a morte do mestre-cuca fodão os bósnios se mudaram para a capital da Geórgia ver se tinham chance em um lugar pior que a Bósnia. Acabaram descobrindo que a Bósnia era pior que a Geórgia e se mudaram para o Azerbaijão ou para a Armênia, até acharem um lugar pior que a Bósnia.

Samegrelo ficou vazia.

Zemo Svaneti[editar]

Outra região habitada por imigrantes Bósnios. Zemo era um grande herói que deu carona pra todo mundo ir garimpado para a Geórgia, foi por seu conhecimento de estradas soviéticas (cheias de furos, buracos e animais selvagens como Veados) que 20.000 imigrantes bósnios fugiram da confusão que era o seu país.

Ao chegarem em Svaneti viveram 2 longos anos achando que estavam em um lugar fora da União Soviética até que descobriram que estavam na privada da União Soviética.

10.000 imigrantes bósnios ficaram para trás formando a cidade mais populosa da região Samegrelo-Zemo Svaneti.

Geografia[editar]

Muito mato, parece uma mini-versão da França só que de terceiro mundo, da europa oriental e em que há chances de você pisar em uma mina terrestre a qualquer hora. É uma das regiões com menos turismo, por isso a desculpa do "ecoturismo" é usada nessa região.