Reptilia

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Frilledlizard.jpg Este artigo se trata de um réptil!

Ele pode ser um dinossauro ou uma lagartixa, adora tomar sol e foi morto para virar bolsa de perua!

Dinossauros
Como se pode notar, os répteis herdaram a feiura dos anfíbios.
Como se pode notar, os répteis herdaram a feiura dos anfíbios.
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Acordados
Superclasse: Quadrúpedes
Classe: Dinossauros

Cquote1.png Dê duas distinções entre os répteis e os anfíbios. Cquote2.png
Vestibular sobre Réptil
Cquote1.png WTF? Eu estava pesquisando sobre répteis e entrei nessa página cheia de lorotas. Cquote2.png
Você lendo a Desciclopedia ao invés de ir estudar biologia (Seu vagabundo!)
Cquote1.png Eu tenho um réptil de estimação. Cquote2.png
Você evidenciando sua anomalia
Cquote1.png Eu também! Cquote2.png
Butantã sobre citação acima
Cquote1.png Nenhum réptil foi maltratado neste filme. Cquote2.png
Autor sobre "Serpentes a Bordo"
Cquote1.png Eu tenho medo! Cquote2.png
Regina Duarte sobre réptil
Cquote1.png Ah que bonitinho, ARRRGHHH!! Cquote2.png
Alguém acariciando um réptil

Reptilia ou Répteis são aqueles animais peçonhentos (ou não) que a sua mãe e irmã morrem de medo e, consequentemente, interrompem seu momento de entretenimento no pornotube na Desciclopédia para ir matá-los. No ponto de vista científico, réptil é o nome dado a uma das inúmeras classes complementares do filo Cordado e do Reino Animalia.

Origem e evolução[editar]

Réptil e sua juba provocante.

Há muitos, muitos e muitos anos atrás, em mil novecentos e lagartixa A.D. (antes de Dercy, medida de tempo eficiente utilizada na Wikipedia atualmente), após o surgimento dos simples coacervados, os animais predominantes eram aquáticos, pois, além de possuírem uma camada de pele permeável, eles eram muito calorentos e, devido ao aquecimento global e ao medo de serem atingidos pelo Deus Sol, ficavam submersos na escuridão da água. Entretanto, um dia, uma população de audaciosos anfíbios decidiram enfrentar o desconhecido mundo terrestre, então, eles sofreram mutações (Como? Porque Deus quis) para ficarem com a pele áspera queratinizada, urina pastosa e botarem ovos de casca dura. E, assim, surgiram os répteis, os dinossauros e os dragões, que foram extintos após a Terra ser invadida por OVNIs carnívoros que queriam comer churrasquinho de dinossauro (Felizmente, não sobrou nenhum para virar experimento cobaia do Homem).

Cquote1.png Tiiaa, mas, se eles foram extintos, como surgiram os répteis que existem atualmente? Cquote2.png
Você

Cquote1.png Geração Espontânea. Cquote2.png
Anônimo e sua dedução genial

Características[editar]

Não se assuste, os répteis são propositalmente feios para afugentar seus predadores.

Os répteis, como dito anteriormente, são animais originados a partir de um grupo de anfíbios, por isso, apresentam características muito semelhantes a deles, então, se quiser saber o que é um réptil, pesquise na Wikipédia sobre anfíbios, afinal, é tudo igual mesmo.

Mas com um pouco de esforço e conspiração, podemos ressaltar alguns mínimos detalhes dos répteis, todas as informações sobre esta classe de cordados, começaremos pelas características mais simples e ocultaremos as mais chatas:

  • simetria bilateral - Isso quer dizer eles são possuidores da cefalização, ou seja, têm cabeça e massa encefálica (ao contrário de você). São ectotérmicos, consequentemente, aproveitam-se do Deus Sol para ativar seu metabolismo, entretanto, não são autotrófos, assim como nós, eles não podem se esquecer de respirar, senão já era.
  • Circulação - Possuem dois átrios e um ventrículo (com exceção dos crocodilos). O sistema circulatório é fechado e ocorre uma mescla entre o sangue bão e o sangue ruim.
  • Digestão e derivados - Sistema digestório completo (eles não cagam pela boca, são deuterostômios). São onívoros e tomam bastante Activia para ficar com intestino regulado
  • Excreção - São melhores que a do ser humano, por conseguirem eliminar ácido úrico e uréia
  • Reprodução - Eu já disse que é por geração espontânea! Segundo o nerd que me passou cola, eles têm reprodução sexuada e são ovíparos.

Habitat[editar]

Um réptil. Ou, pelo menos, o que sobrou dele.

Há inúmeros lugares onde se encontram essas lindas criaturinhas. Algumas dicas:

  • Em lugares situados no fim do mundo (Acre, por exemplo), onde há bastante mato e apenas mato. Você terá que tomar inúmeras injeções para procurar um réptil em lugar desses. Valer a pena? Tudo vale a pena quando a alma não é pequena (Então, no seu caso, não vale a pena);
  • Em locais sujos e pouco visitados, onde eles não possam ser incomodados, como, por exemplo: Banheiros de acampamento, atrás do ármario que Mario?, dentro da casa da Barbie, porão e sótao, sua estante de livros, entre outros.
  • Em locais públicos e mal frequentados como o bar da esquina, parques públicos, sua escola, praias, Casa da Mãe Joana, lixão, entre outros.
  • Em lugares arejados e longe do Sol. Exemplo: Na estante arejada e longe do Sol onde você guarda seus rémedios e comidas cuja bula recomenda guarda-los em locais arejados e longe do Sol.
  • Enfim, onde houver abrigo, comida e roupa lavada e passada (de graça, é claro).

Ordens[editar]

Réptil pronto para dar um bote em você.

São divididos em várias ordens apesar de se considerarem todos de uma mesma família:

  • Crocodylia‎ - Também crocodilianos, formado predominantemente, por jacarés e crocodilos.
  • Testudines - Também quelônios, formados por tartarugas, jabutis e sortudos cagados.
  • Squamata - Também escamados, formado por lagartos, lagartixas e sua sogra.