Narain Karthikeyan

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Narain Karthikeyan, pensando em uma maneira de fazer com que o seu carro da Hispania fique inteiro até o final da corrida - Missão quase imposível.

Narain Karthialgumacoisa (14 de Janeiro de 1977) é simplesmente um daqueles pilotos figurantes que ficam disputando posições que não rendem sequer um pontinho lá na zona intermediária. Raramente, Narain Karthikeyan consegue manter o carro intacto até a linha de chegada, o que lhe rendeu o simpático e carinhoso apelido de "Kamikaze indiano". Por nunca ter conseguido chegar sequer entrar na zona de pontuação, apenas os completamente fanáticos por automobilismo sabem algumas coisa sobre esse sujeito. Você sequer sabia da existência de Narain Karthikeyan, não é mesmo?

Assim como todos os pilotos, Narain Karthikeyan apenas compete mesmo por esporte, pois sabe que só conseguirá alguma vitória no ano de 8299 (ou no ano que ele conseguir dinheiro suficiente para subornar todos os chefes de equipes).

Por nunca ter conseguido sequer manter o carro inteiro até o final de suas corridas, na metade de 2011, Narain Karthikeyan acabou sendo demitido da Hispania Racing, e provavelmente acabou sendo substituído por algum garoto que cobrou metade de um salário mínimo para pilotar o carro.

História[editar]

Narain Karthikeyan e o seu estilo todo único de pilotar, tentando dar uma de malandro, cortando caminho pela grama.

Sabe-se apenas que Narain Karthikeyan nasceu em algum buraco da Índia, provavelmente perto de alguma plantação de maconha cultivada pelos monges budistas hippies que plantam maconha para subsistência. Quando entrou na adolescência, como possuía bons conhecimentos em mecânica (não me pergunte como ele adquiriu tais conhecimentos), Narain Karthikeyan conseguiu construir o seu primeiro kart, usando apenas algumas latas de Coca-Cola e algumas tampinhas de garrafa sujas de lama.

Após ter dirigido esse "kart ecológico", Narain Karthikeyan tomou gosto pela velocidade, e resolveu que queria seguir carreira no automobilismo. Conseguir uma vaga nas equipes de kart da Índia não foi nem um pouco difícil, pois todas as vagas estavam disponíveis, visto que os indianos se interessam apenas em ficar tentando atingir o nirvana e em ficar andando de elefante no meio de feiras públicas.

Como não possuia concorrentes, Narain Karthikeyan conseguiu vencer todas as corridas que disputou. Como não tinha outra opção, as equipes pertencentes às categorias superiores resolveram contratar o jovem indiano para pilotar os seus carros. Nessas categorias, assim como nas competições de kart, Narain Karthikeyan corria sozinho na pista, e sempre vencia por W.O. Por conta disso, em fevereiro de 2005, ele conseguiu um contrato com a Jordan, que era uma equipe que pertencia a elite do automobilismo, que é a Fórmula 1.

Na Fórmula 1[editar]

Quando começou na Jordan, Narain Karthikeyan achava que conseguiria sucesso, até porque ele se considerava um bom piloto. Porém, a realidade foi bem diferente: Em todas as corridas em que disputou, Narain Karthikeyan conseguiu fuder o carro de maneiras escrotas, sendo que, na maioria das vezes, ele conseguiu o feito de fazer com que o carro pegasse fogo sem nem mesmo bater em algum muro. Por conta disso, ele virou motivo de chacota em toda a Índia, e todos diziam que, quando todos os indianos atingissem o nirvana, Narain Karthikeyan seria o retardatário. Mesmo assim, Narain Karthikeyan não desistiu de sua carreira (até porque ele estava precisando de alguns trocados para se manter bem no mundo capitalista). Como a Jordan não tinha ninguém melhor para correr, ela renovou o contrato com Narain Karthikeyan (até porque o piloto indiano tinha aceitado receber apenas metade do salário).

Na temporada que se seguiu, Narain Karthikeyan continuou do mesmo jeito: Como que por bruxaria, ele conseguia até mesmo rodar em retas. Bem, está certo que os carros da Jordan estão mais para cadeiras elétricas, porém, Narain Karthikeyan poderia ter se esforçado um pouco mais para, pelo menos, levar o carro intacto até o final da corrida.

Ao fim da temporada, Narain Karthikeyan tinha conseguido marcar incríveis 0 pontos. Por conta desse exímio desempenho, ele conseguiu uma renovação de contrato com a Jordan. Porém, como sabia que o carro da Jordan iria continuar a mesma porcaria, e que iria continuar brigando lá no meio da zona intermediária, Narain Karthikeyan decidiu abandonar os campeonatos por alguns anos.

Ano após ano, Narain Karthikeyan recebia propostas de algumas equipes de quinta. Porém, como estava cansado de ser motivo de chacota em seu país, ele decidiu continuar apenas tentando atingir o nirvana sossegadamente em sua casinha de palha na Índia. Narain Karthikeyan ficou nessa até 2011, quando ele decidiu que estava na hora de voltar a trabalhar e sair da vagabundagem total. Apesar de ainda receber propostas de algumas equipes de quinta, Narain Karthikeyan resolveu aceitar uma proposta de uma equipe de quarta, que é a Hispania.

Como a diferença entre a Jordan e a Hispania é a mesma entre o cu e a bunda, Narain Karthikeyan não conseguiu melhorar em absolutamente nada o seu desempenho, e, em suas corridas na temporada, conseguiu o feito de não completar nenhuma. Por conta desse excelente desempenho, a temporada nem chegou ao fim e Narain Karthikeyan foi descartado pela equipe, sendo substiutído pelo primeiro carinha que passou pelo box da Hispania. Game Over para Narain Karthikeyan...

Schumacher dick vigarista.jpg
Buildphotoims4vd.jpg
v d e h
Pilotos da Fórmula 1