Mansa Musa

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Este artigo é relacionado à história.

E contém referências a eventos históricos da evolução da humanidade e outras besteiras...

Cruzada7.jpg


Mansa Musa foi um imperador da África e veio para representar os Negros na sessão da Idade Média. Você nunca tinha estudado a África né? Achava que só existiam as tribos, pois estava errado, na época todo mundo conhecia a África, só não queria ir pra lá. Seja como for, ele é Negão e é um rei, ele é Mansa Musa.

Etimologia[editar]

Essa é a área do império de Mansa Musa. Esses historiadores são uns racistas pois colocaram a área do império pintada de Marrom... Ou seja, RACISTAS!

O nome "Mansa Musa" não reflete ao homossexualismo como pessoas como Você pensam. Pelo autor ter feito uma confusão no pergaminho em que acharam sobre Mansa, recentemente Vandalizado. Pode ter significado três coisas, a primeira é "Filho de Mansa" (que era sua mãe, mas ninguém sabe se era mansa mesmo) ou Kangu Maktu. Seja como for, a terceira tentativa foram todas dele para mudar o seu nome que ele não gostava dele.

Pelo jeito devem ter mexido com seu ego. Outro nomes que apareceram foram: "Leão de Mali", "Rei dos Reis", "Jake Sully" e "Rei de Mali Suco de fruta, Chrisegreg, Descolado".

Notável... Mudança de Ego.

"Turne Me a King"[editar]

Não se fala como ele nasceu, seja como for nasceu no reino de Mali (onde?) lugar onde ninguém conhece hoje e famoso pelas ostras... Vendidas nos arredores e da sua "rica história" que trás o 34º maior turismo da África toda por causa desse "impulso histórico".

Seja como for, Sem a história de nascimento vamos pular para onde o autor para, no início da Juventude quando ele tinha se tornado já o "vice-presidente" do reino.

Pelo jeito, Musa tinha Grandes atributos para conseguir chegar onde tinha chegado, seja como for, o obstáculo que estava o separando do trono era o próprio Rei, então como vice-presidente ele contou ao rei sobre atlântica, e como este rei não era provido de muita inteligência foi atrás, para o norte da áfrica e depois para o Oceano Atlântico.

Então o rei sumiu....

E quem agora vai ocupar o reino? Ora, Mansa Musa que é o Vice-presidente. Então ele assumiu e acaba aqui a história de como ele assumiu que só foi achado o seu reinado à 500 metros do outro pergaminho. Não foi tão longe...

"I am the King, and now?"[editar]

Mansa Musa retratado por um jogo Famoso pelo que eu vejo.

Uma coisa que foi esquecida de citar acima foi que o antecessor de Musa jogou 2 mil barcos no mar com vários homens e nunca mais voltou...

Então sobrou pra Musa.

Porém, Musa então quis fazer seu povo virar todo Islã, ele achava que o Alcorão e tudo mais era a fundação do mundo, papo de rei. Isso sempre acontece quando alguém assume o poder por lá e ainda acontece hoje. Seja como for, ele foi além de fazer todo mundo mudar para o Islamismo.

Como ele era devoto de uma "meca" que ficava no centro do Deserto do Saara. E adivinha o que ele fez? Sim! Fez a maior peregrinação do continente africano e ainda levou os escravos junto! Com a cidade vazia sem nenhum produto e semi-vandalizada.

Isso foi um FUUUU?

Mas a volta não conta, ele construiu várias mecas no caminho com 80 quilos de ouro em cada uma até chegar no Cairo.

Ele registrou toda a viagem da peregrinação, mas a pergunta que não quer calar é por que? Por que o cara resolveu puxar todo o povo para fazer a maior peregrinação do continente africano, ficar na história e encontrar a cidade vandalizada? Seja como for, ele podia ter feito a devoção em sua cidade e ter economizado Ouro, escravos e tudo mais.

No fim de tudo, ele acabou desvalorizando o ouro da religião Islã e ficou muito mal visto pois tinha conseguido acabar com a única economia do Sul da África que poderia ter virado um império como o Romano. Seja como for, assim acabou a grande história de Musa para uma peregrinação e desvalorização do Ouro para sua religião.

Pós-reinado ou "The Endi"[editar]

Depois desse "grande reinado" e caminhada, a volta o exército dele foi pego na volta por uma força clandestina da África e foi comida... Bem, não foi lá uma grande ideia, depois disso, os escravos que sobraram decidiram correr a ficar com a grande coluna de peregrinação e então o programa de introdução islã de Mansa Musa acabou caindo pois não deve ter visto que não foi lá uma boa ideia sair pelo deserto e demorar uma eternidade para terminar uma Mesquita.

Seja como for, acabou falindo o Mali.

Morte[editar]

Mansa Musa acabou morrendo de alguma forma em 1320, de acordo com historiadores desocupados Árabes. Ele ficou famoso pois os europeus diziam que o império dele "jorrava Ouro por todos os lado" e as residências eram feitas de ouro e os monumentos de ouro. Seja como for, isso tudo sumiu depois da grande peregrinação e não existia mais ouro por ali.

Ver também[editar]

  • O seu país de origem, o Mali