Eleições 2018 - The Game

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Virtualgame.jpg Eleições 2018 - The Game é um jogo virtual (game).

Enquanto você lê, Scorpion esta dando um fatality em alguém.

P ronaldinho.jpg Meeeengoooo...

Oxe, venha cá, este artigo da porra vem do Brasil! Só fala de futebol, come feijoada, exporta diplomatas, puxa o saco dos EUA, paga imposto pra caralho e põe a culpa no governo pela ausência do Prêmio Nobel.


Eleições 2018 - The Game
Pato da Fiesp no Twitter.jpg

Capa do Jogo com o Pato da FIESP como protagonista.

Informações
Desenvolvedor PT Games, Geraldo Alckmin Games, Sega e G1
Publicador Sega
Ano 20 de agosto de 2018
Gênero Política, Ação e muita merda
Plataformas PC, PS4 e Nintendo Switch
Avaliação Cheiramento de gatinhos, violência, política, corrupção, eleições e sexo.
Idade para jogar Não recomendado para menores de 14 anos.

Eleições 2018 - The Game (Jogo das Eleições de 2018 para os noobs que ainda não sabe jogar ou não entem nada sobre o jogo) é um jogo que mais parece uma mistura maligna de RPG político, jogo de tiro em primeira pessoa, ação e um monte de merda que veio da cabeça do criador, que é oficialmente o jogo oficial (só que não) das Eleições 2018 para escolhermos (pela milésima vez) o ditador do Brasil e os ditadores do estados brasileiros, onde a suruba vai rolar solta. O seu objetivo nesse jogo é enfiar um monte de bala de metralhadora no cu dos inimigos e nada mais.

Jogabilidade[editar]

O jogo é dividido em 28 fases, 27 são dos estados brasileiros e o Brasil mesmo fica pro final dessa porra toda. Nesse jogo, você deve atirar no toba dos inimigos, inclusive dos chefões, ganhar experiência pra caralho e ganhar uns emblemas que só servem de enfeite na sua estante de emblemas, o que não faz o menor sentido, mas não estamos nem aí com isso e vamos contar a história desse jogo.

História[editar]

Mais uma vez a política faz o seu troca-troca maldito, depois que o PT instalou uma ditadura de um partido só no Brasil, depois que Satã Temer assumiu o Brasil, a coisa piorou, fuderam a gasolina e tudo de ruim, agora, em 2018, só cabe você salvar o Brasil de mais um colapso de merda que acontece no Brasil.

Fase 1: São Paulo[editar]

Chefe 1: Professor Cláudio Fernando e Professora Lisete[editar]

São os primeiros chefes da porra toda. Enquanto sai para a sua grande jornada rumo á a fase final, você dá de cara com um bando de professores robôs com balas de AK-47 acopladas dentro do cu.