Depressão pós-chifre

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Asclepius.png A Desciclopédia não é um consultório de medicuzinho.
Por isso, tome vergonha e vá procurar um para fazer seu check-up.
Hitler curtindo um som do Fresno. Depressão pós-chifre é emo.

Se você não respeitá-lo(a), um deles chamará o Adolfinho para lhe transformar em purpurina.


Cquote1.png Ela que se ferre, não dou a mínima pra ela. Cquote2.png
Você
Cquote1.png EU AMO ELA, PRECISO DELA, VOU ME MATAR, NÃO AGUENTO MAIS ISTO! Cquote2.png
Você, cinco minutos depois.
Cquote1.png Não, ela não tem culpa de nada. A culpa é minha. Isso, minha e daquele cara. Vou acertar tudo agora! Cquote2.png
Você, dez minutos depois.
Cquote1.png O que tô fazendo, pera aí, tá tudo errado. A culpa é minha. Toda minha! Não aguento mais! Vou ficar o dia todo no meu quarto no MSN ouvindo Paramore. Cquote2.png
Sua conclusão final

Esta é uma das fases terminais da depressão. Sim, é realmente triste. Pensamos em colocar um alerta no topo da página pois a imagem é forte, mas ficamos com preguiça.

A Depressão pós-chifre é uma patologia que ocorre de vez em sempre com todos os humanos que não são nerds tetudos, visto que este tipo de pessoa nunca levou um chifre, por também não ter nenhuma namorada, boneca inflável, amiguinha de MSN ou algo do gênero.

Definição[editar]

Tal patologia ocorre quando a pessoa, no momento engajada em algum relacionamento com outra pessoa, descobre que tal pessoa anda pulando a cerca. Aí, as relações variam com a pessoa. Existem pessoas que simplesmente metem a bica (tanto literalmente como figurativamente falando) no traidor, ou que traem de volta, ou que armam uma situação constrangedora para a outra pessoa, ou quando descobrem que a pessoa está lhe traindo com alguém do mesmo sexo, no final tendo um mènage com duas mulheres periodicamente, caracterizando-se em uma sorte extraordinariamente grande. E é claro, temos algumas pessoas com uma pitada de emo em seu sangue que acabam ficando infinitamente tristes, iniciando assim, uma depressão pós-chifre.

Características[editar]

Tal doença possui diversos estágios, a saber:

  • 1º: A pessoa fica trancada em seu quarto, ouvindo alguma música de tendências estranhas e pensando seriamente no que fazer.
  • 2º: Ao ver seu amiguinho ficar on-line e/ou telefonar (sim, porque o infeliz com depressão nem sai de casa). O amigo pode então dar duas linhas de pensamento: a certa (ou seja, esquecer do(a) vadio(a) e seguir em frente, ou as erradas, como correr atrás, sair batendo em todo mundo, e coisas afins). O portador da depressão - no caso, você, tende sempre a pegar a opção errada. Ou não. Não importa. Você vai escolher uma opção, mais cedo, mais tarde.
  • 3º: Então, você escolhe o que fazer. Fica arquitetando, no seu quarto, enquanto analisa todos os passos do traíra. Ele(a) pergunta o que está acontecendo com você, e você diz com um sorriso amarelo que está tudo bem, enquanto arquiteta seu plano.

Seu plano é simples, basicamente é composto de;

  1. Comprar um quilo de pólvora;
  2. Comprar uma facão;
  3. Comprar duas garrafas de Diabo Verde;
  4. Comprar um CD do Cine. Dois, pois um ficará de recordação.

Você planeja fazer uma mistura de Diabo Verde com pólvora, e fazer uma bomba caseira com isto, jogando na casa do(a) infeliz. Caso dê errado, você usa o facão e depois se mata.

  • 4º: Quinze minutos depois, você desiste, culpando tudo e todos.
  • 5º: Um dia depois, você a vê, não aguenta a saudade, perdoa tudo e se esquece do chifre.
  • 5º - Alternativo: Você não aguenta a pressão, xinga-o(a) de todos os nomes, e termina tudo. Depois você descobre que ele(a) não meteu o chifre em você.

Soluções[editar]

Tal tipo de depressão possui uma cura fácil. Mas o que mais importa é a força de vontade do sujeito afetado. Para que ele realmente queira sair desta situação, algumas coisas ajudam:

  • Leve o indivíduo para o puteiro. Se for uma mulher, leve para a minha casa.
  • Ofereça bebidas. Uma pinga ajuda a afogar as mágoas. Qualquer coisa, ele(a) que compre um fígado no Mercado Livre no futuro.
  • Arranjar outro indivíduo, do sexo oposto, disposto(a) a se atracar com o morimbundo. Daí todo mundo se chifra e não dá nada no final. Ou não.

Dados[editar]

Segundo o secretário-geral da Organização Mundial dos Cornos, Reginaldo Rossi, tal depressão afeta 71% das pessoas no Brasil por ano. Desta porcentagem, 80% são homens, e 60% são mulheres. O resto é composto por indecisos e afins. Ele ressalta que a doença mata, visto que é um dos três motivos principais para o surgimento de emos e por extensão, uma das principais causas de suicídios.