Brooke Shields

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Esta página se adequa à Nova Política de Conteúdo Sexual.
Conteúdo impróprio para menores de 18 anos! Tirem as crianças da sala! Este artigo tem conteúdo impróprio para menores!
Este artigo pode conter pornografia pesada ou leve. De preferência, leia-o de olhos fechados...

Se ele estiver cometendo uma infração à Política de Conteúdo Sexual, por favor, reporte à moderação.

Kim Basinger Playboy.jpg

Brooke Shields é uma ex-gostosa
Ela já inspirou muitas homenagens, mas foi o tempo quem realmente a comeu.

Agora você sabe o PORQUÊ de seu pai gostar tanto desse filme...

Cquote1.png Sua intenção era pesquisar: A Ninfeta de A Lagoa Azul Cquote2.png
Google dando uma de adivinho com a pesquisa de Brooke Shields

Brooke Christa Camille Shields (Nova Iorque, 31 de maio de 1965), mais conhecida simplesmente como Brooke Shields é uma atriz estadunidense e também uma menina que ficou perdida junto com um loiro sarará numa lagoa azul e nunca mais saiu de lá.

Ganhou fama desde pequena, por ser convidada após testes de sofá para ser modelo fotográfica em ensaios controversos, como na capa do Virgin Killer dos Scorpions. Foi conhecida mesmo de vez primeiro por aquele filme lá da Sessão da Tarde que todos já viram pelo menos umas 90 vezes na vida e por tentar dar pro Michael Jackson durante os anos 80 (isso mesmo!). Nos anos 90 ela desistiu de nego brocha e foi brincar com a raquete do Andre Agassi.

Carreira[editar]

Ainda com 15 anos, Brooke permanecia abusando das mentes pervertidas dos pedófilos.

Quando ainda era uma menininha, muitos fotógrafos babavam por ela, e ela era escolhida constantemente para ensaios. Um certo dia, em 1975, um senhor pedófilo chamado Garry Gross decidiu convidar ela para tirar umas fotenhas, só que de uma maneira bem... controversa: peladona, e fazendo poses que meninas mais velhas que ela teriam vergonha de fazer até pro esposo, ui ui... Embora a Brooke até hoje tente tirar elas de circulação, dá pra achar na Vk.com e no escritório do diretor de cinema que logo que a viu, a chamou pra fazer filmes (sorte, não era pornô, mas por pouco não foi).

Em 1978 ela estreou em Pretty Baby, onde ela era uma auxiliar de vedete num bordel. Com cenas BEEEEEEEM pesadas, dignas do filme só passar em Cine Privê e olhe lá, por pouco não processaram o diretor por essa putaria. Brooke Shields também apareceu em comerciais provocativos e controversos das calças jeans da Calvin Klein em 1980, com ainda 15 anos, usando a frase "quando quiser que eu tire minha Calvin Klein, é só me pedir!"

Ainda no mesmo ano, Brooke apareceu no único filme que todos realmente lembram além do Pretty Baby, A Lagoa Azul, ela alegou que um dublê de corpo mais velha apareceu nas cenas que ela ficou peladona (aham... eu que tou ficando com miopia).

Em 1984 ela foi acompanhante (não, não foi uma puta de luxo, calma ae) de Michael Jackson na premiação do Grammy, graças a um relacionamento que ela teve com ele em 1981, quando tinha 16 anos, tentou namorar de novo com ele já com 19 anos, mas pro Michael, passou dos 16 é coroa e ele não queria.

Não fez mais nada na vida de importante além de ser jurada de programas imbecis da TV americana e aparecer em episódios esporádicos de enlatados americanos como Friends e Two and a Half Men. E, claro, lembrar dos tempos em que todos achavam ela gostosa (ou seja, antes dos 18).