Bartolomeu Lourenço de Gusmão

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Boieng da Trans Brasil indo pro brejo.jpg Olha o(a) Bartolomeu Lourenço de Gusmão vindo!
Olha o(a) Bartolomeu Lourenço de Gusmão indo!

Este artigo fala sobre coisas que avuam pro alto.
Clique aqui pra ver quem mais vai pelos ares. Literalmente.

Nota: Se você procura o outro padre voador, consulte Adelir de Carli

Cquote1.png voo? Isso non ecxiste Cquote2.png
Padre Quevedo sobre processo da Inquisição contra Padre Bartolomeu

Cquote1.png Vossa Reverendíssima é acusada de ter dado carona à diretores da Anac na Passarola para obter favores Cquote2.png
Demóstenes Torres sobre Depoimento do Padre Bartolomeu à CPI do Apagão Aéreo


O Padre Bartolomeu desanimado recebendo um ofício da Anac dizendo que a Passarola não poderia pousar mais no Aeroporto de Congonhas e sim no Aeroporto de Goianá.

O Padre Bartolomeu Lourenço de Gusmão também conhecido como Padre Voador nasceu em Santos e era um caiçara muito esperto.

Ficou famoso por ter inventado o primeiro Balão, conhecido como a Passarola, séculos antes de Santos-Dumont. Ficou louco no final de sua vida, por ter descoberto que se tornaria um personagem de José Saramago. Foi então perseguido pela Inquisição já que na época não havia CPI para investigar o Apagão Aéreo. Morreu alguns anos mais tarde, vítima de um balão.

O balão

Um dos voos de teste do padre voador

Bartolomeu construiu seu balão muito antes da invenção do balão, pelos Irmãos Montgolfier. Ele utilizou plástico-bolha e papel de seda para montar seu balão, enchendo com gás metano que era produzido naturalmente por ele, depois de uma feijoada. Demorou um pouco para encher todo o balão, mas depois de cheio, ele subiu, subiu, subiu e nunca mais desceu. Resolveu pular do balão, pois a sua invenção não parava de subir. A sorte é que ele caiu no mar e não morreu, apenas quebrou os membros, o pescoço, a bacia, os dentes e o maxilar. Com este acidente de percurso, a justiça determinou que todos os balões que fossem levados ao ar tivessem uma âncora para fazer o mesmo descer em caso de ereção maluca.


Giãaaaaaaaaao

Giããaããããaããããaãooo é uma cidade cosmopolita de Roraima que segundo Padre Quevedo alguns não existe, segundo Datena alguns rumores que polemizaram mais a questão do voo do Padre e qual seria o seu real destino, alguns diziam que ele iria para a Ponte que partiu Giããaããããaããããaãooo, mas percebeu que isso seria um pouco difícil pois os moradores (os dois moradores de gião) não aprovaram muito esta questão e resolveram dizer a opinião deles nesta questão se manifestando em uma peça de teatro programa de TV muito conceituado conhecido como: Hermanoteu na Terra de Godahh, eles disseram o seguinte:

"Vocês não pretendem cometer a estupidez de sair por giããããooo voando em baloes de festa cheios de ar.... "

Pra completar a opnião ele finaliza de uma forma bem formal e respeitosa a pessoa do Padre:

"... Quando Deus viu aquilo ele deve ter dito: Perdi mais um funcionario...

Depois desta declaração temos a reportagem final onde a Profetiza Derci diz:

E sairá um Filho da puta , que pegara a porra de uns balão pra voa pra merda de um lugar que ninguem sabe onde fika... mais fika perto dum canavial de rolla

Atenção retiramos as palavras mais fortes para não poluir sua mente de Emo

Morte

Bartolomeu morreu em uma de suas invenções, o balão de ar frio. A invenção, um balão de ar frio que voaria e poderia ser controlado por controlado por controle remoto, foi a responsável pela trágica morte do padre voador. A invenção estava em um penhasco, pronto para cair se não fosse uma corda amarrada no balão e presa em uma árvore. Bartolomeu acreditava que o balão poderia voar se ele cortasse a corda. Meteu uma facada no balão, que realmente voou, mas para baixo. Não houve sobreviventes. Com este acidente, a justiça determinou que todos os balões tivessem para-quedas, em caso de queda-livre ou de algum acidente.

Ver também