Babá

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Cquote1.png Você quis dizer: Pedagogo(a)? Cquote2.png
Google sobre Babá
Cquote1.png Você quis dizer: Professor(a) do ensino fundamental? Cquote2.png
Google sobre Babá

Exemplo de paciência.

Babá é a função mais complicada da face da Terra, só perdendo para ser os próprios progenitores da pestinha, mas assim mesmo, algumas vezes, a(o) babá se lasca mais. O nome é derivado de baba, que seria aquela coisinha chamada saliva, e também por causa do babador, que sempre tem que estar sendo passado na boca da criança por quem estiver cuidado. Preferencialmente babá seria uma função feminina, mas tem alguns cuecas que se aventuram nessa cilada, porém incrivelmente existem aqueles que se saem bem, embora nem sempre saiam inteiros.

Apetrechos de babá[editar]

Não para de chupar os dedos:corte-os. - Manda a refinada educação alemã...

Se você resolver se profissionalizar em guardar crianças, antes de tudo precisa saber que se surgirem problemas (e surgirão com toda certeza), você não poderá guardar a criança em lugar algum, e vai ter que resolver sem a ajuda da mãe, nem a sua, e não adianta chamar a mamãe. Pra isso você deve ter sempre em mãos um kit assinado pela Super Nanny que consiste em:

  • Uma Barbie, ou Max Steel, no caso apenas da criança estar chorando por tédio esse casalzinho é mão na roda, mas você só deve dar ou a Barbie ou o Max, ainda que você ache que a criança já mostra tendencias estranhas, até mesmo porque no caso da menina, se você mostrar pra ela a Barbie junto com o Max, ela pode se ofender pelo Ken e aí a mãozinha não vai na roda, vai na sua fuça mesmo. se acha que a mão é pequena e não vai machucar, é porque ainda não tem experiência com isso: sai uma força que você não sabe de onde quando uma pestinha se ofende.
  • Caixinha de primeiros socorros: se o baby se machucar e não for tão sério, você mesmo pode resolver fazendo curativo, mas se não tiver bandagens nem pense em substituir pelos mini-absorventes daquela sua prima magricela, porque a criança vai achar que pode usar aquilo sempre e vai dar confusão.
  • Um doce: pode ajudar, mas não exagere, senão a criança não quer almoçar, jantar, ou simplesmente não exagere na quantidade para não ser o responsável por mais uma criança balofa no mundo.
Não se engane achando que se vestindo igual a um personagem tosco, as crianças vão ficar mais comportadas, pode acontecer bem o contrário.
  • Ajuda rápida: isso no caso de um acidente grave, deve ter condução disponível e sempre saber onde estão os contatos para ajuda médica, etc... porque você nunca sabe quando a criança pode dar com um martelo no seu nariz, jogar álcool na sua cara e atear fogo e por aí vai.

Apetrechos que não deve ter[editar]

  • Rimas infantis alemãs.
  • Qualquer coisa dirigida para crianças que seja dos anos oitenta.

De qualquer forma se seus pais, com ou sem ajuda de babá, conseguiram criar você, nada é impossível.