Aeroporto Internacional de Manaus

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Cquote1.png Experimente também: viajar de barco Cquote2.png
Sugestão do Google para Aeroporto Internacional de Manaus

Cquote1.png Pedimos aos senhores passageiros que na nossa conexão em Manaus, não fale com os índios e nem alimente os macacos presentes no aeroporto Cquote2.png
Aeromoça passando recomendações aos passageiros que prosseguiam para a conexão em Manaus

Cquote1.png Vamos passar por Tapiré? Cquote2.png
Passageiro perguntando a aeromoça se o voo irá passar por uma cidade fictícia da Globo

Cquote1.png Não senhor, esse voo só irá passar por Nárnia Cquote2.png
Aeromoça respondendo o passageiro

Cquote1.png Senhores passageiros, afivelem os seus cintos, pois já estamos chegando no fim do mund... Ops, em Manaus Cquote2.png
Piloto avisando sobre a chegada do voo em Manaus

Cquote1.png Nossa, só tem mato por todos os lados Cquote2.png
Passageiro vendo pela primeira vez a vista aérea de Manaus

Cquote1.png Hum, gostei desse aeroporto. Vou rebatiza-lo com o meu nome! Cquote2.png
Amazonino Mendes pensando em batizar mais um local de Manaus com o seu nome

Criação[editar]

Vista aérea do aeroporto antes da copa

Vendo a necessidade de se distanciar de alguns amigos incômodos, o presidente Juscelino Kubitschek decidiu criar uma nova capital o mais distante possível do Rio de Janeiro. Como Manaus na época era o local mais distante, o presidente mandou desapropriar uns índios de uma área perto do Rio Negro e mandou construir uma pista. Só que na sua primeira viagem, ele desistiu da ideia, pois achou a cidade longe demais da civilização. (E assim Brasília se tornou a capital, pois ela era a segunda opção)

Evolução[editar]

Bom, como prêmio de consolação (por não ter se tornado a capital dessa "grande potência mundial"), foi instalado a Zona Franca de Manaus (que tem descontos fiscal em tudo, desde drogas até prostitutas que fazem ponto na SEFAZ). Com o grande movimento de mercadorias (principalmente penas de aves para fantasias de carnaval no Rio de Janeiro), o presidente Rodovia Eurico Gaspar Dutra mandou as empreiteiras do PAC fazerem uma ampliação a estilo Paulo Maluf. Assim, o Aeroporto Internacional de Manaus foi reformado, virando uma grande oca com uma pista de barro vindo diretamente dos barros das pistas do Rally do Sertão.

Dias Atuais[editar]

Para chamar a atenção dos gringos (que viriam para a copa), o ex-governador (e boxeador) Eduardo Braga mandou reformar totalmente o aeroporto, deixando ele com cara de Aeroporto de empresas privadas estrangeiras. O aeroporto teve um custo de 300 milhões de reais, sendo 50% do valor de propina pro ex-governador, 30% para os deputados e o restante para o material das obras (sendo que para economizar mais ainda, usaram nessa obra o entulho do que sobrou do antigo estádio Vivaldo Lima)

Estrutura[editar]

O aeroporto conta com:

  • Um pista de mais de 4 quilômetros, (entre asfalto e barro) cujo final se dá na Avenida Torquato Tapajós (uma imitação da pista do aeroporto de Congonhas)
  • Uma duzia de lanchonetes com o pão de queijo frio e caro (fora que de brinde você pode ganhar uma indigestão com esses alimentos)
  • 3000 vagas no estacionamento (sendo 1500 para carros, 500 para motos, 500 para canoas, 400 para mamutes e 100 para dinossauros (esses dois últimos importados do Acre)
  • Dois terminais de passageiros: O Eduardo Gomes (que atendem companhias aéreas com voos nacionais e internacionais ,fora os voos fretados de grandes estúdios de Hollywood que fazem filmes ambientados na floresta e fretam esses voos para levarem até eles mão-de-obra indígena barata e materiais para figuração, como macacos, onças e etc) e também os jatinhos particulares do "negão"Amazonino Mendes, vindo de São Paulo depois de ele tomar mais uma dose de formol no Hospital Sírio Libanês para esconder o estrago da idade) e o Eduardo Gomes 2 (que para não ter nenhuma relação com o Vasco, é chamado carinhosamente pelos índios de Eduardinho), que recebe os voos regionais e as naves espaciais vindo do Acre

Curiosidades[editar]

Atual diretor do aeroporto
  • O Aeroporto Internacional de Manaus tem o maior metro quadrado de curupiras no mundo
  • O Atual diretor do Aeroporto é o Rambo (ele aceitou esse trabalho pois ele achou que estava muito velho para ficar atirando por aí)
  • O Aeroporto com maior movimentação de drogas no Brasil (entre cocaínas, maconhas e DVD's da Xuxa produzido na Videolar)
  • É o único aeroporto que tem voos indo para o Acre